the left hand of darkness

Ia dizer das viagens. Mas tem uma coisa que é bem engraçada que queria compartilhar. Sempre que a gente começa a estudar um livro a fundo, vc dá umas naufragadas.

Outro dia perguntei mesmo ao Sentelhas: e como será que se pronuncia “Ursula Le Guin”? Ele sugeriu procurar na Wikipédia. Bem, descobri que no site oficial da autora há um FAQ – Frequently Asked Questions. E ali consta exatamente a How do you pronounce your name? (e ainda uma outra How do you pronounce the names and words in your books?). Ao menos a gente não se sente estúpida sozinha.

Pior que a explicação sobre a pronúncia do nome não é nada simples, colo:

“I still get questions about how my name is pronounced, and have been meaning to put something about it here on the website. And I wanted to correct Wikipedia, which led off its entry with the strangest screw-up in International Phonetic Alphabet: Ursula as pronounced in America, Kroeber as pronounced in Germany, and Le Guin as pronounced in France. Weird! I’d use those pronuncations only in Germany or France. And the French one isn’t even as “correct” as whoever put it there thought, because Le Guin is not a French name at all; it’s Breton. It’s pronounced, to the best of my knowledge, just like its Welsh cognate gwyn — white, blond, fair.

Not many people can read IPA anyhow, so here I am in English:

URsuhluh (UR as in burr; or, in England, URsyoola) KROb’r l’GWIN

If you want to see it in IPA, Paul Topping (three cheers for him!) got through to Wikipedia and got them to correct it — so, look me up — I’m ever so phonetic”.

 .

Outra coisa divertida é ver as diferentes capas mundo a fora. Capa de ficção científica sempre tem aquele toque do brega adorável. E nos vários idiomas dá uma sensação do brega interestelar. Embora a capa da edição brasileira seja das mais bonitas – palmas à Aleph.

Fiz um álbum pra vc [clica]

 .

.Ok, fim de pausa. Retornarei aos estudos. E às promessas de relatos de viagem.

 

Related Posts

One Comment

  1. Rainer Domschke
    22 de março de 2012 at 22:47

    Bem esprituosa a explicação dela, mas tá na cara que o nome é uma versão poetamenorizada de “Legging”, né….

Leave A Comment

You must be logged in to post a comment.

Follow on Feedly