• poema, postagens
    A pós-humanidade inevitável

    A pós-humanidade inevitável

    A antologia "Hiperconexões" publica seu 3o volume pela Editora Patuá. Com a proposta de pensar o que seria uma poética sobre a pós-humanidade, traz um exercício imaginativo aos dias de hoje. Compartilho meu poema ao tomo.
  • na cozinha, podcast
    TrintaCast: a crise dos 30 e boas cervejas

    TrintaCast: a crise dos 30 e boas cervejas

    O podcast que traz "conversas sobre o que fazer com a vida adulta nos dias de hoje" conversou comigo sobre cervejas artesanais, altos e baixos. Foi lindo receber o Clayton e o Dado em casa. Até latido do Canek teve na gravação.
  • para quem escreve, podcast
    Rituais de escrita

    Rituais de escrita

    Qual é o teu ritual de escrita? Quando você se senta para escrever? O podcast comenta como Jane Austen, Maya Angelou e Thomas Mann escreviam cotidianamente. Aproveito para dar minhas próprias dicas para uma prática de escrita.
  • convite, para quem escreve
    Curso: Melhora tua prática de escrita

    Curso: Melhora tua prática de escrita

    Agora vai! O curso intensivo servirá para trabalharmos durante um mês, com encontros presenciais e exercícios on-line, o ato de escrever. Os objetivos são escrever com mais tranquilidade e qualidade.
  • postagens
    Como você define 2016?

    Como você define 2016?

    Aí vão algumas respostas que recebi na minha newsletter. Aproveito para deixar o meu desejo para o ano novo: por favor, incendeiem-se de sonhos!

posts

A pós-humanidade inevitável

A pós-humanidade inevitável

Comentários desativados em A pós-humanidade inevitável

A antologia "Hiperconexões" publica seu 3o volume pela Editora Patuá. Com a proposta de pensar o que seria uma poética sobre a pós-humanidade, traz um exercício imaginativo aos dias de hoje. Compartilho meu poema ao tomo.

Read more
Poesia sem fim, por um cinema que cure

Poesia sem fim, por um cinema que cure

Leave a comment

A proposta do filme novo de Alejandro Jodorowsky não podia ser outra: um cinema para mudar o teu espírito. Um filme para que quando você saia da sala escura, tenha descoberto algo que estava adormecido em ti. Uma saída para o cinema de autoria. Um cinema que esteja disposto a perder. Que não destrua o planeta. Que cure. Um cinema otimista, alegre.

Read more
Zines, papel para um idioma pessoal

Zines, papel para um idioma pessoal

Leave a comment

Relato sobre a oficina de fanzine "As línguas e os idiomas das mulheres", ministrada pela Júlia Francisca, autora do zine [nectarina] durante o festival [eu sou poeta]. Fala do fanzine como resistência e literatura lésbica, mas também um espaço lírico, uma frestinha de cotidiano.

Read more

para quem escreve

prosas

Valentim

Valentim

Leave a comment

- Se você é um deus, porque vive aqui no boteco? Valentim suspira fundo. A pergunta também era minha própria dúvida. Tudo bem que não precisava perguntar assim, né? Jogar na cara, sem nenhum glamour. Que deprê.

Read more
Libera a wi-fi

Libera a wi-fi

Leave a comment

É conhecido o dito um copo de d’água e wi-fi não se nega a ninguém. Na reportagem do "El País", dizem que se alguém roubar a tua wi-fi é a morte. Vão te dar um golpe. Vender teu cachorro. Projetar todas tuas conversas do whatsapp na FIESP.

Read more

na cozinha

podcast

Follow on Feedly